14/09/2021

Exaltação da Santa Cruz, sinal da Vitória de Cristo!

No dia 14 de setembro temos a felicidade de celebrar como Igreja uma solenidade muito especial: a Solenidade da Exaltação da Santa Cruz! Um símbolo tão importante para nós católicos, que nos converte e nos faz refletir.

 

Essa festa remonta ao 335, o ano em que a Santa Cruz foi apresentada aos fiéis, após ter sido encontrada por meio do auxílio de Santa Helena. Ela está ligada à devoção de duas basílicas de Jerusalém, a Basílica Martyrium, no Monte Gólgota, e a Basílica Anástasis, também chamada de Basílica da Ressurreição.

 

A Cruz foi roubada por um rei persa, quando a Cidade Santa foi conquistada, mas foi recuperada pelo imperador Heráclio em 628, que carregou em suas costas a Cruz de volta de Tiberíades à Jerusalém. Assim a festa passou a ser celebrada também no ocidente.

 

Enquanto para os romanos e os judeus da época a cruz era sinal da derrota de Jesus, nós sabemos que é o contrário. A Santa Cruz é para nós um símbolo de vitória plena! Jesus crucificado venceu a morte, venceu o pecado, nos libertou e salvou!  Já não somos mais escravos do pecado, não temos a mancha do pecado original. A Santa Cruz é chamado para uma verdadeira conversão!

 

Nela encontramos a esperança da vida eterna, e enxergamos o profundo Amor de um Deus que entregou seu Filho Único para nos salvar, nos alcançar! O sofrimento e a entrega de Jesus na Cruz, nos libertaram. 

 

Como Jesus não fugiu de sua Cruz, que nós também não fujamos! Nós não tememos a Cruz, não nos afastamos dela por medo, mas reconhecemos que nela se encontra a nossa salvação. Quando reconhecemos a amplitude do sacrifício de Jesus na Cruz, o propósito de nossas vidas passa a ser viver por Ele

 

Como o próprio Papa Francisco nos diz:“a Cruz não é uma mobília da casa ou um ornamento a ser usado, mas um chamado ao amor com que Jesus se sacrificou para salvar a humanidade do mal e do pecado” 

 

Que hoje possamos, então, verdadeiramente contemplar e louvar a Deus pela Santa Cruz e pelo seu Sacrifício de Amor nela!